Petrópolis – Turismo Sem Previsão de Retorno

Petrópolis – Turismo Sem Previsão de Retorno

No estado do Rio de Janeiro, Petrópolis é a segunda cidade com maior número de mortos no interior e ainda não tem data para retomada do turismo.

 

Com 126 mortes por Coronavírus registradas pelo boletim oficial do governo do estado, Petrópolis é a segunda cidade do interior do Rio que mais registra óbitos, ficando atrás apenas de Campos dos Goytacazes.

 

Apesar dos números, a flexibilização do isolamento já está na penúltima etapa do calendário estabelecido pela prefeitura, que começou a ser aplicado em junho.”Várias atividades retornam, e através de um estudo que foi feito com vários segmentos,principalmente com a emissão de uma nota técnica da vigilância sanitária. – segundo o coordenador de planejamento, Dalmir Caetano.

 

O comércio de rua com vendas em atacado é uma das principais atividades econômicas da cidade, desde a semana passada está autorizada a entrada de clientes de fora do município. O comércio voltou a funcionar mas com restrições, já os museus, parques e outros atrativos turísticos da cidade ainda não tem previsão para retomarem as atividades.

 

O setor de turismo movimenta cerca de R$760 milhões de reais todos os anos na economia de Petrópolis. Ônibus de turismo seguem proibidos de entrar, quem for flagrado desembarcando passageiros na cidade pode ser multado, a paralisação das atividades turísticas representa o impacto negativo de seis por cento do PIB do município.

Deixe uma resposta